Dezembro 2021 | Educação Financeira

Como organizar as finanças pessoais?

Tempo de leitura: 2 minutos

 

Organizar as finanças é essencial para manter suas contas em dia, especialmente com a chegada de um novo ano.

Controlar o orçamento de gastos e ganhos te ajudará a arcar com todos os compromissos do mês, a ter uma reserva para emergências e poupar para planejar seu futuro. 

Confira essas dicas para começar a organizar suas finanças:

1 - Planejamento financeiro

Faça o planejamento do que é previsto gastar no mês conforme o seu orçamento, considere todas as contas fixas e variáveis e mantenha tudo anotado em papel ou planilha. 

2 - Defina o que é objetivo e prioridade

Faça uma lista dos seus gastos essenciais e os supérfluos. Assim, você consegue ver aquilo que é realmente necessário pagar. As dívidas que você não conseguirá pagar, e já sabe disso, vale tentar uma renegociação antes do vencimento. 

3 - Fuja dos juros

Contas que geram juros como empréstimo, cartão de crédito e cheque especial não devem ser atrasados, pra não gerar encargos e juros. Vale também evitar pagar o mínimo do cartão.

4 - Acompanhe a fatura do cartão

Para evitar surpresas no pagamento da fatura, acompanhe o extrato do cartão e avalie os próximos gastos para não ultrapassar seu limite. 

5 -  Opte por soluções de crédito mais atrativas

Empréstimo consignado, empréstimo com garantia e a antecipação do saque aniversário são soluções de crédito com juros bem baixos e que podem ajudar a colocar todas as contas atrasadas em dia. 

A antecipação do FGTS, por exemplo, não compromete sua renda mensal, e pode ser um facilitador para colocar as finanças em ordem.

6 - Estabeleça um limite de gastos

Com todas as informações de gastos e recebimentos anotados, vale estabelecer um limite para não ficar sem dinheiro no fim do mês. Dessa forma, analise seu orçamento e evite comprometer todas as suas finanças. 

7- Inicie uma reserva de emergência

Sabe quando as coisas estão controladas e, então, surge uma emergência que tira as finanças do controle? Você não precisa mais passar por isso! Ao iniciar uma reserva de emergência, e aplicar todos os meses um pouquinho, você conseguirá manter uma reserva para lidar com imprevistos.