Março 2022 | Empréstimo

Como desbloquear o benefício no Meu INSS?

Tempo de leitura: 3 minutos

 

Você sabia que pode ser um dos beneficiários da Lei Orgânica de Assistência Social (LOAS)?

O Benefício de Prestação Continuada (BPC) está disponível para idosos com idade igual ou superior a 65 anos ou à pessoa com necessidades especiais (PNE) e garante um salário mínimo por mês.

Diante desse benefício você ainda tem direito ao empréstimo consignado e ao cartão de crédito consignado pelo Bmg. Mas para isso é preciso desbloquear o seu benefício no Meu INSS.

Veja como realizar o desbloqueio:

Passo 1: Acesse o Meu INSS (https://meu.inss.gov.br);

Passo 2: Entre com seu CPF e senha;

Passo 3: Acesse a opção Novo pedido;

Passo 4: Busque o serviço desejado (empréstimo consignado);

Passo 5: Solicite o desbloqueio do benefício.

A partir do Passo 5 serão apresentadas informações importantes referentes às regras do consignado. É importante ler e verificar se está tudo certo para avançar.

Seu benefício foi concedido dentro de 90 dias. É importante aguardar os prazos corretos para solicitar o desbloqueio do empréstimo.

As telas seguintes irão confirmar seus dados pessoais e de contato, e como o titular gostaria de acompanhar o processo. Você também deve informar o Número do Benefício (NB).

Importante: Para solicitar o desbloqueio do seu benefício, é necessário ser o titular da aposentadoria ou pensão ou ser representante legal do titular.

Para comprovar a titularidade do benefício, alguns documentos podem ser exigidos, como: Documento de identidade com foto (RG, CNH ou Carteira de Trabalho); CPF; Termo de Representante Legal (se necessário). 

Atenção! Os beneficiários que desejam desbloquear o benefício INSS para empréstimo pela plataforma Meu INSS, devem ter os selos prata ou ouro no cadastro do sistema gov.br.

- O selo bronze é de nível básico, que possibilita ao segurado o acesso a serviços básicos. Ele pode ser adquirido com a validação feita a partir do CPF do usuário ou pela Previdência Social.

- O selo prata é um selo de nível avançado, no qual a validação é feita de forma presencial no balcão do INSS, por meio do internet banking ou pela biometria cadastrada no Denatran (Departamento Nacional de Trânsito)

- O selo ouro pode ser adquirido somente por meio da validação biométrica do TSE (Tribunal Superior Eleitoral) ou pelo certificado digital, isto é, um documento digital que associa uma pessoa à chaves criptográficas.

Para além dos selos, quem deseja utilizar os serviços no meio digital deverá apresentar, durante o requerimento, um documento de identificação com foto e, se necessário, o do procurador ou representante legal.

Aqueles que não puderem fazer o requerimento pelo Meu INSS deverão ligar para o telefone 135, da Central do INSS, para agendar o atendimento presencial em uma APS e mencionar que se trata do serviço “Atendimento Especializado”.

Seguindo os passos apresentados na tela do Meu INSS é possível realizar o desbloqueio do seu benefício.

Banner_Emprestimo.png